Blogue de uma Encarregada de Educação

Arquivos

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

A Ver:

Posts recentes

Há algumas coisas que me ...

Coisas que nunca mudam

Professores portugueses s...

O medo dos pais

Sugestão

Curiosidades...

Férias e muita brincadeir...

"Apenas" uma sondagem

Maria de Lurdes Rodrigues...

Hoje não aplaudo o Minist...

Associações de Pais e Enc...

Bitaites há muitos. Opini...

Homenagem aos bons profes...

Maria de Lurdes Rodrigues...

Sindicatos dos professore...

Educação e Cidadania anda...

A Memória Curta e os Sind...

Debate Nacional sobre Edu...

Dar Futuro ao Interior / ...

Concessão de equivalência...

Explicações : ou a insufi...

Ainda as Tecnologias

Novas Tecnologias

Professores incapacitados

Ainda sobre euros - Refei...

Apenas algumas das mudanç...

Porque estou contente com...

Posts favoritos

Apenas algumas das mudanç...

Maria de Lurdes Rodrigues...

Bitaites há muitos. Opini...

Professores incapacitados

Educação e Cidadania anda...

Dar Futuro ao Interior / ...

Terça-feira, 29 de Agosto de 2006

Curiosidades...

Ainda estamos de férias, mas tinha de vir aqui contar umas "curiosidades". Ontem à noite jantámos com um casal de suecos e um casal de franceses. Sendo que a mulher francesa era professora e todos temos filhos, foi inevitável a  conversa acerca da escola.

Nunca tive tanta dificuldade para fazer alguém entender o que eu dizia. E garanto-vos que o problema não estava nos idiomas falados!

Tentava eu explicar as polémicas resultantes da introdução do prolongamento do horário escolar no 1.º ciclo do ensino básico, assim como as polémicas sobre as aulas de substituição...

Foi tremendo.

Não sendo eu uma "especialista" desta área, nem uma profissional da educação (sim...que as duas coisas, decididamente, não se confundem!), pois sabem os caros leitores que nesta matéria sou apenas uma Encarregada de Educação, nunca me informei acerca de como se passavam as coisas noutros países...Se eu soubesse onde me estava a meter teria ficado calada. Acontece que passei o tempo a tentar fazer entender O PORQUÊ da reacção dos professores a estas medidas...e não devo correr muitos riscos de me enganar se disser que foi em vão, pois nenhum entendeu como estas mudanças não poderiam ser pacificas.

Já perceberam, portanto, que fiquei a saber que nos países deles estas duas realidades são indiscutíveis! O prolongamento, por exemplo, é até às 18 horas e há tanto tempo que existe que eles nem sabiam responder quando começou. A seguir às aulas, as crianças têm  desporto, tecnologia, artes plásticas...  Senti-me um bocadinho "mulher das cavernas" por no meu tempo a escola publica deixar-me sair do seu espaço quando eu muito bem entendia (coisa que, felizmente, já não se passa hoje), assim como por os nossos filhos, até esta ministra da educação, serem expulsos da escola a partir das 15 horas , como se os pais não trabalhassem, como se não tivessem de trabalhar...

E porque este post apenas trata de curiosidades, sabiam que em França os professores apenas ganham 12 salários por ano? Eu não. Ou seja: que não recebem 13.º mês, nem subsídio de férias? Sabiam que têm reuniões com os E.E. trimestralmente, das 17h 30m às 21h 30m (!), para que não colidam com o horário profissional dos pais? E que até ao 9.º ano (o equivalente ao nosso 9.º ano, melhor dizendo) o Director de Turma tem reuniões com os pais ao Sábado de manhã (!), pela mesma razão, com o objectivo de dar os boletins das notas no final do trimestre e falar individualmente acerca dos alunos? E voltando aos salários, fiquei a saber que um professor com 12 anos de serviço e 18 horas semanais aufere 2 mil euros... Ora, sabendo que só têm 12 salários por ano, foi a minha vez de me encher de orgulho nacional e afirmar que ganham mais cá... Ainda por cima,  trabalham no feriado do Corpo de Deus e não é pago!!!

Chega de escrita e vou apanhar sol com os petizes. Boas férias!
sinto-me:
publicado por uma E.E. às 10:10
link do post | favorito
De Prionace Glauca a 30 de Agosto de 2006 às 01:15
Desde já afirmo que não sou professor, mas já que o título destas linhas é “Curiosidades” deixei-me embeber pelo espírito e fui satisfazer a minha curiosidade até à tabela salarial dessa classe portuguesa que tanto ganha e nada faz, ou que pelo menos por aqui tem essa fama.
Ora bem, então ao que me foi dado a perceber, um professor que comece no escalão 112, passados 12 anos, a leccionar, claro, ganhará então qualquer coisa como 1.424 euros brutos, e digo, brutos. Ao que julgo, de momento os docentes, visto na sua totalidade entrarem ao serviço já com licenciatura, começam a carreira no escalão 126, logo passados 12 anos ganharão um pouco mais, uns agradáveis 1.603 euros, e mais uma vez realço, brutos. Ora bem, também pelo que percebi, estes valores são para horários completos, logo se leccionarem com um horário de 18 horas, os valores, brutos, e logicamente líquidos, serão inferiores aos atrás mencionados. Tomando como exemplo os 2.000 euros líquidos pagos pelas tais 18 horas, mesmo que de 12 + 2 (férias/13º mês) vencimentos e após impostos, não se poderá dizer que um professor português com 12 anos de serviço e horário de igual duração ganhe muito mais, ou até mesmo mais, ou talvez mais acertadamente, ganhe o mesmo.
Mas como disse, não sou professor, não estou muito por dentro das remunerações auferidas pelos mesmos, somente perdi 5 minutos a olhar para a tabela salarial, que é oficial, para não correr o risco de estar para aqui a dizer baboseiras.

Já agora aproveito para dizer que está engraçado, este seu blog, diria que até mesmo muito divertido. Não é divertido quando por vezes se fala do que não se sabe?

Obrigado pela oportunidade de comentar no seu blog, e sinceros desejos de uma boa continuação de férias.

PG


De uma E.E. a 30 de Agosto de 2006 às 12:16
Caro leitor,

Não acuso a provocação que me dirigiu acerca do divertimento provocado pelo facto de se falar do que não se sabe. No entanto, confesso que o seu comentário me divertiu. (Mas por outras razões, evidentemente.) Achei muita graça que tenha perdido somente 5 minutos a olhar para a tabela salarial (eu confesso que ainda não a vi, mas prometo a mim mesma fazê-lo, e vou levar mais tempo, com certeza) e que não tenha percebido, nas suas perspicazes deduções, que terá de ser cruzada com outras informações que não estão lá presentes. Como em tudo, interpretar dá trabalho, a não ser para os génios, que seguramente não será o meu caso, mas parece-me obvio que também não é o seu. De facto, o leitor afirma :” Ora bem, também pelo que percebi, estes valores são para horários completos, logo se leccionarem com um horário de 18 horas, os valores, brutos, e logicamente líquidos, serão inferiores aos atrás mencionados.” Muito bem, então o que é que acha que acontece quando o professor vai “envelhecendo” e, consequentemente, tendo menos horas de trabalho? Passa a ganhar menos? Nada mais errado. Ganha mais! Esta senhora francesa que referi no meu texto, por exemplo, tem 48 anos. (Aliás, onde eu julgo que me enganei foi nos anos que a senhora tem de carreira...mas falarei ainda com ela e, se tiver de corrigir o que escrevi, com certeza que o farei com todo o gosto.) Olhe que o meu post pode ser criticável sobre muitas perspectivas, mas o seu raciocínio “lógico”, que julga imune a qualquer baboseira, também não está isento de erros.

Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

mais sobre mim

Menu

1.º ciclo

1.º post

Adenda ao 1.º Post

Associações de Pais

Avaliação

cavaco silva

cidadania

curiosidades

debate nacional sobre educação

encerramento de escolas

ensinar e meritocracia

escola

exames de Química 12.º

faltas

Ministra da Educação

mudanças

opinião

pais

parecer

paulo sucena

professores

prolongamento do horário

Refeições escolares

sindicatos

sondagem

tecnologias

todas as tags

Pesquisar neste blog

 

Setembro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

subscrever feeds

blogs SAPO